Botafogo 1 x 0 Corinthians: Heróis e muralhas

No mesmo dia em que Jefferson pegou pênalti de Messi e Helton Leite teve noite de Jefferson, os jogadores que restaram no elenco do Botafogo honraram a camisa e fizeram a estrela brilhar.
Graças ao plano tático de Mancini, que armou um time fechado mas competitivo, e contando com a garra de jogadores limitados, mas com sangue nas veias e vergonha na cara, o Botafogo – com um a menos em boa parte do segundo tempo, com a expulsão de Bolatti – conseguiu uma vitória estupenda em Manaus. Uma vitória heróica.
Parabéns, Helton Leite, Junior Cesar, Rodrigo Souto, Wallyson e todos. Vocês foram heroicos. Com esse espírito de luta, e com o apoio incondicional da torcida, ainda há esperanças.
Obrigado ao Botafogo, por transformar uma mera noite de sábado em um sorridente SÁBADO À NOITE.

Anúncios

6 Respostas para “Botafogo 1 x 0 Corinthians: Heróis e muralhas

  1. Enquanto o Mano fazia teatro com seus comandados, o Vagner Mancini jogava com cada um de seus comandados, tirando o máximo de cada um deles.
    A entrevista do filho do João Leite, explica sua atuação. Parecia até que ele já estava com 14º no bolso.

  2. Sempre achei e já escrevi aqui que o BOTAFOGO com aquela turma de medalhões não iria a lugar nenhum, e, que no futebol atual a garra vale mais do que o talento acomodado. Ontem, a vitória só comprovou esta verdade.
    Hoje a noite, eu posso dizer que torço por um clube maluco, mas, também tem que ser muito maluco mesmo para torcer pelo BOTAFOGO, porém, nessa noite de sábado, vou dormir sendo um maluco FELIZ.
    SB

  3. Meu Deus ! Quanta ilusão ! O Botafogo deu três chutes a gol (sendo um o pênalti). No mais, jogou com os 11 (ou os 10) sempre atrás da linha da bola, algumas vezes atrás da linha da sua grande área. Típico comportamento de time que se tornou pequeno. O Juca Kfouri definiu a atuação do Corínthians como “mais uma do Robin Hood”, aquele que tomava dos grandes para dar aos pequenos. É assim que somos vistos. Na verdade, é nisso que nos tornamos. E não vai ser uma vitória por acaso que vai mudar a situação. Continuo achando que o Botafogo tem enorme chance de cair para a Segundona e por lá ficar por bastante tempo, fruto exclusivamente da incompetência (ou coisa pior) gerencial que o assola há bastante tempo.

  4. Eu acho que PASSOU A HORA DE CRITICAR O M. ASSUMPÇÃO. Desses candidatos inscritos, para gerir o BFR, na próxima gestão, quem são? Espero não ter saudade do M. Assumpção, assim como eu tenho hoje, do BF Presidente.

  5. Comovente a luta do Mancini.
    Contra tudo (crise financeira, demissões, bagunça,etc) e contra todos (adversários, pessimismo da imprensa, baixa frequência da torcida e um elenco horroroso), ele segue incólume no cargo. A diretoria não pode demiti-lo, até pq não tem grana e nem candidato que aceite substituí-lo. Mas, ele tem vários motivos, todos perfeitamente compreensíveis, de jogar a toalha.
    Prefere apostar numa esperança, ainda que tênue, a sais sem explicações.
    Claro, porque não é preciso explicar o óbvio.
    Em dia de Helton Leite, rendo a minha homenagem e a minha gratidão a este ilustre e modesto treinador.
    Não acho que escaparemos. Não merecemos até agora.
    Ainda assim, torço para estar enganado. Por amor ao meu clube e por respeito ao profissional que prefere correr o risco, e que risco, de afundar agarrado ao leme de seu navio e junto com seus “marinheiros”.
    Mancini, meus respeitos!

  6. O Vagner Mancini é o Cara. Franco, Trabalhador, Inteligente, Companheiro, Verdadeiro e Teimoso Graças a Deus por não ter desistido do BFR.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s