Botafogo 2 x 4 São Paulo: O ruim e o pior

Pior do que a derrota no Mané Garrincha foi a sensação de jogar fora de casa, pois já se sabia que os são-paulinos seriam maioria em Brasília, como serão os corintianos em Manaus.

Pior do que as falhas do Andrey, ainda imaturo e irregular, é saber que ainda teremos outras partidas sem Jefferson por causa de amistosos absolutamente desimportantes da Seleção Brasileira.

Pior do que não conseguir segurar a vantagem de 2×1 é saber que, devido à fragilidade extrema do nosso sistema defensivo, o ataque adversário teria mais chances de virar o placar, como de fato aconteceu.

Pior do que o Aírton voltar a ser Aírton, com uma agressão estúpida, é o Wallyson ser de novo Wallyson, perdendo dois gols, um deles cara a cara com Ceni, por ser displicente ao finalizar.

Pior do que tomar quatro gols em uma partida é ter perdido o Daniel, que decidiu o jogo alvinegro anterior no mesmo Mané Garrincha, para o resto da temporada.

Pior do que entrar em campo desfigurado é perceber que os reservas dos reservas, como Rodrigo Souto, não dão conta quando têm que entrar em campo.

Pior do que as duas derrotas seguidas é olhar a tabela e ver que o Botafogo está a dois pontos da zona de rebaixamento.

Pior do que ver o Botafogo perder é ver o Botafogo se apequenar, ao abrir mão da vantagem de jogar em casa para ganhar o dinheiro que a diretoria não teve competência para reter.

 

Anúncios

5 Respostas para “Botafogo 2 x 4 São Paulo: O ruim e o pior

  1. Passei 21 dias fora, em ferias, e voltei a ver oramos time com os mesmos problemas desde o início do ano.
    A ilusão de que não cairemos, que insiste em me visitar, não condiz com a realidade.
    Convenhamos: Andrey, Ayrton, Ferreyra, Yuri e Wallysson , não podyam jogar na série A. Eles são da série Y.
    Muyto tryste!
    Bye Bye

  2. Realmente, o apequenamento do Botafogo é uma realidade. E não adianta revoltar-nos quando algum comentarista nos lembra desse fato. Time que contrata jogadores como Ferreyra e Wallysson não pode mesmo ser considerado de ponta. Time que joga como o Botafogo jogou no segundo tempo ontem, totalmente acuado e vendo o São Paulo treinar na sua frente não pode ser considerado grande. Time que vergonhosamente não paga seus atletas e funcionários há meses não pode jogar em uma primeira divisão, não pode sequer existir. A realidade é triste, mas é essa.

  3. Marcelo,

    Pior, também, é saber que o dinheiro dessas vendas – mando de campo e jogadores – não entrarão na conta do clube devido penhoras por sonegação fiscal do ladrão omissão!

    Pobre do atual Botafogo!
    Pobre de nós, Torcedores!

    ABS e SDS, Botafoguenses!!!

  4. O BOTAFOGO e a repetição de erros.
    1 A – O BOTAFOGO foi derrotado no último domingo contra o Atlético Mineiro. A expulsão tola e estúpida de um jogador do sistema defensivo, Dankler, ainda no início do 2º tempo foi fundamental para acabar com as chances de vitória do time.
    1 B – O BOTAFOGO perdeu ontem para o São Paulo. A expulsão tola e completamente irresponsável de um jogador do sistema defensivo, Airton, ainda no início do 2º tempo foi fundamental para acabar com as chances de vitória do time.
    Comentário: O que esses idiotas tem na cabeça? Será que não sabem que prejudicam o time? Será que não pensam que estão obrigando os colegas a um desgaste maior? Será que ninguém orienta esses sujeitos? A expulsão de Dankler foi pura burrice. A de Airton é coisa de marginal, mesmo. E se é para ter maus elementos no elenco, por que não colocar o desajuizado Jobson para treinar e jogar? Ao menos “corremos o risco” de ele fazer uns golzinhos, enquanto outros são expulsos. Falando nisso, Emerson quando não está suspenso está no DM. Edilson é outro. Cazalberto??? Deixa pra lá!
    2 A -Wallyson perdeu um gol feito no fim do primeiro tempo contra o São Paulo recebeu livre na área e em vez de soltar a perna direita cortou para a esquerda e bateu fraquinho em cima do goleiro deles.
    2 B – Wallyson perdeu outro gol feito no início do segundo tempo contra o São Paulo. Recebeu livre e bateu fraco em cima do goleiro.
    Comentário: Wallyson já havia perdido uma chance clara de gol no Independência, no domingo, em lançamento parecido com o que recebeu na segunda oportunidade desperdiçada contra o São Paulo. Tentou encobrir Victor e jogou à direita do gol. Sobre ontem é bom lembrar que Wallyson foi DISPENSADO do São Paulo por DEFICIÊNCIA TÉCNICA. Ontem ele teve uma chance de ouro de fulminar os caras,e pipocou. Pior! Ele teve 25 minutos de intervalo para pensar: “Putz! Como perdi um gol daqueles? Se aparecer outra bola tenho de guardar de qualquer jeito.” Aí a bola caiu no pé direito dele mais uma vez, sem marcação, com o gol à disposição. E o que o vadio (o anagrama também serve) fez? Pipocou. Bateu fraquinho.
    3 A – O BOTAFOGO tinha o mando de campo contra o São Paulo, mas resolveu jogar em Brasília e viu o Mané Garrincha 70% (ou mais) vestindo três cores. Perdeu e ouviu olé
    3 B – O BOTAFOGO terá o mando de campo contra o Corinthians no segundo turno, mas jogará para uma maioria de torcedores do time paulista na Arena da Amazônia.
    Comentário: Fico muito à vontade pára falar disso pois não sou do Rio nem moro no Rio. Na verdade nunca fui ao Rio. O problema não é o BOTAFOGO jogar em Brasília, em Manaus ou em outras grandes cidades onde é capaz de lotar estádios. A questão é contra quem ele decide mandar esses jogos. Todo mundo sabe que fora dos Estados do RJ e ES, além da Zona da Mata de MG, o São Paulo vai ter mais torcida que o BOTAFOGO. Contra o Corinthians pior ainda. Vamos ver esse filme se repetir na capital amazonense. Espero que o fim da história seja diferente contra nosso freguês da garoa.
    Comentário final: Jefferson na seleção da CBF é legal pro currículo dele (depois dos 7×1 nem sei se é tanto assim). O arqueiro alvinegro merece todas as honras, elogios e homenagens. Mas o BOTAFOGO e o BOTAFOGUENSE só se lascam com isso. Ficamos desfalcados de nosso melhor jogador. Arrisco dizer que não perderíamos ontem com ele embaixo das traves. Andrey falhou gravemente no 3º gol e deveria ter feito algo melhor no 2º. E não entendo porque Mancini aposta nele em vez de colocar Elton Leite, que foi bem quando testado e é mais experiente.
    Está difícil!
    Mas… sai pra lá z4 dos infernos!

  5. Se tem uma coisa que não interessa ao BFR, neste momento, é o blábláblá de nos torcedores. Neste 2014, se não tem nada melhor que tu, vai tu mesmo. Não cabe tornar os Airtons, pior do que eles já estão. O BFR precisava de um Super Presidente, apareceu um aprendiz de dirigente. Hoje, estamos precisando de um Espetacular Presidente, e o que temos?
    A MAIOR ESTUPIDEZ PRATICADA PELO M.ASSUNÇÃO, FOI NÃO TER CHAMADO O BF PARA FORTALECER SUA ADMINISTRAÇÃO. O BFR PAGOU UM PREÇO GRANDE DE MAIS, POR TER UM APRENDIZ NA PRESIDÊNCIA. PIOR, É QUE PODERÁ FICAR AINDA MUITO PIOR, NA PRÓXIMA GESTÃO.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s