Palavras de Seedorf

“Estou dando tudo o que tenho”, disse SEEDORF, em ótima entrevista no Bola da Vez, na Espn Brasil.

Entre outras coisas, ele falou da importância de se conciliar o culto ao passado com a vivência do presente e que os torcedores do Botafogo cultuam mais os seus ídolos do que os dos clubes europeus.

Pra quem esperava um novo foco de crise com a torcida, a entrevista decepcionou. Lúcido, mas às vezes evasivo (como ao driblar uma resposta sobre sua permanência em 2014 em caso de não-ida à Libertadores), Seedorf tem muito a ensinar ao futebol brasileiro.

Mas, talvez, esteja chegando a hora em que a contribuição dele será mais importante fora do que dentro de campo. Até porque, sintomaticamente, o holandês já se refere no passado à carreira como jogador.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s