Grêmio 2 x 1 Botafogo: Orgulho e prejuízo

Aos 48 minutos, a transmissão da Band do jogo na Arena Grêmio informou que os gandulas sumiram com as bolas.

Naquele momento, como tinha sido durante quase todo o segundo tempo, o Botafogo exercia uma pressão imensa em cima do time da casa, que se apequenou e tirou bola de todas as formas para evitar o gol de empate.

E, não fossem os vacilos de Marcelo Mattos e Henrique na hora da conclusão, teríamos obtido ao menos um ponto – ou até mesmo a vitória.

No primeiro tempo, o time não foi tão bem – a ausência de Gabriel contribuiu para que o Grêmio jogasse mais solto, e nem vou entrar na polêmica do segundo gol, pois é óbvio que o Kleber, que estava impedido, participou da jogada. Também ficou claro que o Vitinho ainda oscila muito desde que assumiu a posição de titular, com a saída de Fellype Gabryell, devido ao excesso de individualismo. E que o Lodeiro talentoso e raçudo, que foi disputar a Copa das Confederações, ainda não voltou da competição. Porque esse uruguayo que erra passes de meio metro não pode ser o mesmo que nos encantou durante o Campeonato Carioca.

O prejuízo para a atual posição da tabela foi a perda da liderança. Mas, vamos e venhamos, perder para o Grêmio no estádio deles não chega a ser um resultado catastrófico – o todo-poderoso Timão perdeu, EM CASA, para os reservas do Galo. E o time grená tomou três do Inter, com direito a uma falha horrorosa do Cavalieri, aquele que muita gente boa já achou melhor que o Jefferson.

Mas, se não deu para voltar com um pontinho na bagagem, deu para ter orgulho da atitude do time, que encurralou seu adversário e mostrou que briga pelo topo, de igual para igual, com os que estão na parte de cima da tabela.

Agora, todo torcedor carioca tem obrigação de ir a São Januário no próximo sábado para apoiar o time contra o Náutico. Nada de chorumelas por causa do horário ou do estádio: é o que temos, é o que podemos ter por enquanto.

E, quem sabe, os que forem a São Janu também serão premiados com mais um GOLAÇO DO SEEDORF, como o que ele fez nesse domingo.

Porque, como já disse, todo botafoguense tem obrigação de pagar ingresso ao menos uma vez na vida para ir ao estádio e ver SEEDORF jogar.

Anúncios

3 Respostas para “Grêmio 2 x 1 Botafogo: Orgulho e prejuízo

  1. Fui ao estádio assistir à partida e me surpreendi com duas coisas: a) a quantidade de torcedores botafoguenses que lá estavam. Muito mais do que eu imaginava encontrar e b) a capacidade desse Vitinho de se achar um cracaço de bola, desses que não precisam se esforçar muito durante a partida, porque sabem que em um lance acabarão fazendo a diferença. Mais ou menos como o Seedorf, só que com a diferença de o holandês ter idade para ser o seu pai e jogar muita, muita bola de verdade. Fico pensando se não tem ninguém no Botafogo para chegar na desse garoto e dizer para ele deixar de ser mascarado, para correr com vontade nas jogadas, para não voltar andando nas (muitas) vezes em que perde uma bola, para lembrar que ele só tem 19 ou 20 anos e não 60, etc. O Lodeiro, realmente, ainda está de férias. Não acertou absolutamente, rigorosamente nada. O time, como um todo, jogou com uma certa raça, embora precise imensamente de alguém que realmente faça a diferença dentro da área. Contra o Grêmio, o segundo tempo foi todo do Botafogo (no total, 60% de posse de bola), mas falar o que das chances que perderam o Marcelo Matos e o Henrique ? Fica difícil quando não se tem um verdadeiro matador. Agora é torcer para que o Seedorf não tenha machucado, porque sem ele a coisa fica feia, muito feia.

    Sílvio Porto Alegre

  2. Ponto negativo: Contusão do Lucas e do Seedorf. Kleber merecia ser expulso pois a intenção dele foi quebrar a perna do Seedorf e ele quase conseguiu. Felizmente para nós pegou de raspão mas ainda assim parece que Seedorf não terá condições para o jogo contra o Náutico.

  3. Marcelo,
    Tive o mesmo sentimento de você, ou seja, Orgulho do time! Não me recordo de dormir tranquilo, após uma derrota, como dormi na noite de domingo para segunda.
    Sábado estarei no chiqueirão e para melhorar a CBF alterou o horário, das 21 para 18:30hs !
    Espero que o Seedorf se recupere, pois gols e o respectivo saldo fazem diferença na competição. Que o teimoso do OdeO reveja seu conceito e perceba que o RM desaparece quando o campeonato é o brasileiro. Lembra que ele sumiu no ano passado?

    Outra coisa; li declarações atribuídas ao Zé Roberto em que ele acusa o Bolívar, para se defender, na entrada ao lateral Dodo. Disse que não se pode comparar as duas, pois o Bolívar deu entrada violenta e ele não. Que ele tem passado sem violência.
    Quanta diferença de caráter!

    Abs e Sds, Botafoguenses!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s