Onze razões para acreditar… e desconfiar

Onze motivos para acreditar numa campanha forte no returno:

1. Jefferson

2. Os chutes e as arrancadas do Elkeson, a revelação do campeonato

3. Os desarmes e o senso de cobertura do Renato e Marcelo Mattos

4. A regularidade da dupla de zaga titular

5.  O espírito de liderança, a visão de jogo e a frieza decisiva do Loco Abreu

6.  A postura de dono da casa ao jogar no Engenhão, ditando o ritmo da partida

7. Diversas demonstrações – sendo as partidas contra América-MG e Flu os exemplos mais recentes – do poder de reação do time

8. Baixo número de cartões amarelo por jogo – poucos jogadores pendurados

9. Baixíssimo número de cartões vermelhos no primeiro turno – um time mais equilibrado emocionalmente e menos porradeiro

10. Um técnico estudioso, sério e ambicioso: quer um título de expressão

11. Outros adversários diretos  em momentos de irregularidade

Agora, os onze motivos para desconfiar:

1. Ausências do Jefferson para a Seleção Brasileira

2. Contusão do Antonio Carlos (logo agora?)

3. Possibilidade, mesmo remota, da volta do rodízio na lateral direita

4. Rendimento do Maicosuel, ainda uma incógnita

5. Herrera, apesar da raça, tecnicamente abaixo do que se espera de um atacante titular

6. Reservas, exceção do Alex e Lucas Zen, bem distantes dos titulares

7. Possibilidade de ascensão de times com elenco forte mas que ainda não decolaram, como Cruzeiro e Inter

8. Irregularidade do Cortez

9. Desempenho na Sul-Americana (disputar pra valer as duas competições vai desgastar o time, e uma eventual desclassificação pode interferir no Brasileirão)

10. Um técnico ainda inexperiente e inseguro, muito suscetível às pressões da torcida e da mídia

11. Olho gordo

 

Anúncios

5 Respostas para “Onze razões para acreditar… e desconfiar

  1. reservas: acho o Márcio Azevedo um bom lateral, o Gustavo pode brigar pela titularidade, não sei que fim levou o Bruno Thiago, o Everton pode ajudar e o Cidinho pode render muito ainda!

  2. Por motivos alheios à minha vontade, não guardei a revista Placar da década de 70 que estampava a manchete: “Em 15 meses, 40 gols salvadores”, numa perfeita alusão ao atacante Fernando FERRETI, gols que nos livraram de derrotas e proporcionaram empates de última hora, pois, o atleta entrava nos finais das partidas e sempre resolvia. Foi um dos meus ídolos, ao lado daquela geração maravilhosa de 67/68.
    Descanse em paz, grande FERRETI.

    SB

  3. Não vou aqui berrar “Caio Jr. é um professor”, não vou dizer “Mago voltou!”, nem cantar “É campeão!”. Mas reconhecer o amadurecimento do grupo do Botafogo nesses últimos jogos. Destaque para uma defesa bem entrosada, com Jefferson no comando (lembram-se dos tempos de Julio Cesar? do Castillo?), também para o lateral esquerdo Cortês (profissional ao extremo e com rompantes de Marinho Chagas (de dreadlocks ao avançar com a bola — só falta o chute). Elkeson, mesmo com sua pouca idade, já é o maestro e o pulmão do time (precisa manter a regularidade e esquecer de comentário tipo “É seleção” – falta muito). O Mago aos poucos ressurge das cinzas. Inteligente, sabe ajudar a equipe quando está sem a bola e é fatal ao mudar da ala esquerda para a direita – uma jogada a ser mais aproveitada. Mas, caros alvinegros, há uma revolução surda dentro do Botafogo, uma revolução de consciência, de chute no complexo de vira-lata… essa revolução chama-se Loco Abreu. Ele é nosso xamã, nosso decano, nosso oráculo, nosso craque… com bola ou sem bola (tem a dignidade de um Afonsinho, a garra de um Fischer — El Lobo). Não será surpresa se muitos torcedores, me incluo, defender uma cor azul para a estrela solitária.

  4. Concordo… Mas há algo diferente este ano. Não me parece que tenhamos aquele “elenco com medo de vencer” que tinhamos antes. Além disso, estamos sendo regulares no campeonato… Isso é muito bom. Quem sabe no fim do ano venha alguma coisa boa, estamos precisando!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s