Botafogo 1 x 0 Atlético-MG: Envolvido, mas classificado

O estranho horário de 20h15 de uma terça-feira deve ter confundido os jogadores do Botafogo.

Porque eles simplesmente se esqueceram de entrar em campo na primeira etapa do jogo de volta pela Sul-Americana.

Muito melhor organizado do que no sábado, o Atlético-MG envolveu o nosso time de forma ampla, geral e irrestrita. E só não marcou por conta da incompetência e da maré de azar dos alvinegros mineiros. Até jogadores mais dedicados, como Mattos e Cortez, não demonstravam o mesmo vigor. Sem Renato, Lucas Zen padeceu para substitui-lo e a defesa cansou de bater cabeça. Por sorte, no finzinho da primeira etapa, o juiz errou ao marcar pênalti em falta fora da área (ou seja, gastamos nossa modestíssima cota de “apito amigo´´ do ano) e Herrera abriu o marcador.

No segundo tempo, o Botafogo enfim acordou e jogou futebol razoável por 20, 25 minutos. Elkeson apareceu e comandou a partida – quase faz um golaço, depois de lance individual que começou na intermediária e acabou dentro da área atleticana. Mas, mesmo nesse período, o Galo teve boas chances e chegou a mandar uma bola na trave. Depois, o rival voltou a mandar no jogo, mas dessa vez sem tanto perigo e, forçado a substituir Lucas pelo Alessandro, Caio Junior teve que viver perigosamente até o apito final.

E, no fim das contas, a classificação foi obtida na vitória em Ipatinga, que permitiu ao time poupar titulares e fôlego. Vamos deixar na conta dessa vantagem o fato de o Botafogo jamais ter tido o controle da partida – muito pelo contrário.

E registrar o fato que o Galo se tornou o mais freguês dos fregueses ao ser superado por três jogos consecutivos. Jogando mal ou jogando bem, só conheceu a derrota. Como disse alguém no Twitter, isso já não é mais confronto direto, já virou bullying. Ou, como disse um amigo atleticano na véspera da partida, quando eu manifestei minha apreensão em relação ao jogo dessa terça-feira:

– Não se preocupe. Eu sei que tem coisas que só acontecem com o Botafogo. Mas eu também sei que tem coisas que NUNCA acontecem com o Galo.

E não é que ele tinha razão?

Anúncios

9 Respostas para “Botafogo 1 x 0 Atlético-MG: Envolvido, mas classificado

  1. Fase internacional de uma competição sulamericana. Agora é com você, Loco!

  2. 1º QUE FOI FALTA P / CARTÃO
    2° QUE SE FOSSE FALTA FORA DA ÁREA, SENDO FRONTAL, 99,99% GOL DO ELKESON
    3° QUE NÃO NECESSITAMOS EM NADA DAQUELE GOL. O LANCE NÃO INTERFERIU NA DESCLASSIFICAÇÃO DO GALO. GALO ESSE QUE EM OUTRAS JORNADAS, FOI TÃO ROUBADO PELA “NASSÃO URUBUZADA”.
    4° QUE A AGRESSÃO INICIOU FORA DA ÁREA E SE CONCRETIZOU DENTRO DA ÁREA.

    SAUDAÇÕES GLORIOSAS!

    CLÉTO MARTINS

  3. meu amigo, a falta houve e foi fora da área, de fato, mas num lance dificil, os dois caem dentro da área.
    Inversão de faltas… cara, a primeira falta favorável ao Botafogo apitada pelo juíz ao longo de todo o primeiro tempo foi justamente esta do pênalti.
    No mais, qualquer disputa de bola na intermediária do Botafogo era falta, toda disputa na outra intermediária, deixava-se o lance seguir.

  4. Eu estava no Engenhão – Junto com o Macaco da Botachopp – e já ontem foi clara para mim a falta. Hoje no Globo Esporte veio a certeza absoluta. Depois da matada no peito o Herrera levou uma mãozada na cara e foi escorado\agarrado pelo peito já dentro da área.
    Abraços e saudações Botafoguenses,
    Luis Celso

  5. Em tempo: Eu não vi apito amigo hora nenhuma. Exemplo clássico foi um cobarnça de escanteio quanto o árbitro atravessou o campo para obrigar nosso jogador a recuar 1 cm a bola. Já o Patético cobrava faltas e laterais com uns 10 m para a frente do lugar original.
    Abraços,
    Luis Celso

  6. Dia 27 estarei na festinha de um aninho do meu Netinho “2”, o João Júlio (JJ, Jotinha, etc.). Desfalque sério para o Botafogo no clássico.
    Que todos do Rio marquem presença no Engenhão por mim. Primeira vez que estarei no Rio e faltando a um jogo do Botafogo.
    Abraços, beijos e saudações Botafoguenses,
    Luis Celso

  7. Caro Luis Celso.
    Vai uma homenagem ao JJ.

    Cuide bem de seu Neto, para que no futuro ele venha gostar de coisas Saudáveis e Gloriosas!
    Saudações Gloriosas!
    Cléto Martins

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s