Botafogo 3 x 1 Atlético-MG: Yes, We Can!

“Os jogadores dele foram para dentro da nossa defesa. E eles são muito rápidos”. Em poucas palavras, o Cuca sintetizou o segredo da vitória alvinegra em cima do Atlético-MG. Foi a vitória mais tranquila do campeonato exatamente por conta da excelente movimentação do setor ofensivo do time. Não foram tantos lances criados, mas os que surgiram foram decisivos. Por duas surpresas agradáveis:

1) A ótima partida do Felipe Menezzzes (na foto). “Soninho”, enfim, acordou e disse ao que veio. Com técnica e visão do campo (joga de cabeça erguida), deu o ritmo dos ataques, e foi mortal nas duas conclusões – exatamente o que se espera de um camisa 10. Ao lado de Renato, o melhor em campo.

2) A boa atuação do Maicosuel. Se, no primeiro tempo, ele foi mero coadjuvante, na segunda etapa (quando já estava 2×0, vale ressalvar) Maic conseguiu ser o protagonista, caindo pela ponta direita e servindo ao ataque – assim nasceu o terceiro gol (com Alex servindo de pivô) e mais duas jogadas perigosas, uma delas concluída pelo próprio Alex.

Com essas duas “novidades”, mais uma partida monstruosa do Renato (correndo para todos os lados até o último minuto, desarmando e distribuindo passes com precisão, mostrando o porquê de ter sido a contratação mais cara da temporada) e os bons momentos do Lucas no ataque (o cruzamento para o primeiro gol do Elkeson) e do Marcelo Mattos na marcação, o Botafogo sobrou em campo.

Tudo bem que o adversário, errando passes de meio-metro e uma bagunça tática (Triguinho e Pierre estrearam sem ter feito sequer um treino!) e alguns jogadores fora de forma e/ou desinteressados, ajudou sobremaneira para conseguirmos uma vitória tão tranquila. Mas a gente não tem nada a ver com isso – temos mais é que aproveitar essas fragilidades para assegurar logo os três pontos e diminuir o ritmo, poupando jogadores (Elkeson, Maic e Menezes foram substituídos, para descansar).

E, o mais importante, alcançamos o quinto lugar na tabela, com 31 pontos e nove vitórias. Dessa vez, sem depender do Loco Abreu nem do Herrera.

Agora é ganhar o clássico do próximo sábado para entrarmos com ainda mais força no returno.

Libertadores?

Yes, we can!

Acréscimo de domingo: A rodada foi simplesmente perfeita para o Glorioso. Nenhum dos outros 6 times da parte de cima da tabela conseguiu vencer. Melhor: os líderes estão rateando ao se complicar em jogos aparentemente fáceis, outros que estavam lá na frente vivem momento delicado de convulsão interna (Palmeiras). Eis o momento ideal para crescer e se fortalecer.

Anúncios

8 Respostas para “Botafogo 3 x 1 Atlético-MG: Yes, We Can!

  1. Cara aquele gol do André no final foi um golaço pegar a bola de primeira daquele jeito não é fácil Jéfferson tava na bola mas não conseguiu pegar belo gol!

  2. Estamos muito bem na tabela e podemos ganhar mais força para o segundo turno. O Botafogo tá na briga pelo título, sim.

  3. melhor aproveitamento como mandante
    81% – 22 pontos em 9 jogos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s