São Paulo 0 x 2 Botafogo: Organização e velocidade

“Enfrentamos uma equipe muito bem organizada, bem posicionada atrás e com jogadores de muita velocidade. Eles estiveram mais perto do terceiro gol do que a gente de marcar o primeiro, essa é que é a verdade. Se tivesse mais tempo, eles teriam feito mais um”. As palavras são de Paulo Cesar Carpegiani, técnico do São Paulo.

A análise não poderia ser mais precisa. Até porque inclui as duas palavras que exprimem as maiores diferenças do Botafogo do Caio Júnior para os tempos de retranca: organização e velocidade.

A cada jogo, fica evidente que há um treinador insistindo nesses pontos com seus comandados – e o resultado começa a ser observado até pelos técnicos adversários. O fato de termos agora um padrão de jogo bem definido faz o time crescer e transmitir segurança: um eventual gol do São Paulo, na noite dessa quarta no Morumbi, só sairia em caso de alguma grave falha individual – Marcio Azevedo até que se esforçou, mas não logrou êxito nessa tarefa.

Foi uma vitória tranquila, soberana, incontestável. Um gol em cada tempo – e poderia ter saído mais, dado o volume de jogo alvinegro. E, para isso, duas contribuições foram fundamentais: a de Elkeson, jogando com desenvoltura de veterano e realmente comandando as ações, e a de Lucas Zen, um monstro no desarme, na antecipação e na visão de jogo.

Sim, meus caros, o padrão de jogo que vai sendo colocado pelo Caio Júnior faz o Botafogo ter segurança tática para perder um jogador fundamental como Marcelo Mattos… e o Somália dar conta do recado. Porque há peças-chave em cada setor do campo e os que entram foram bem orientados sobre o que devem fazer. A começar pelo Renan, segunda partida como titular, segunda grande atuação (salvo uma saída em falso no fim do 1o tempo, que deixou a todos com o coração na mão).

É nítida a importância do trabalho do Caio Júnior também durante o jogo. Como o Morumbi estava vazio, dava para ouvir as instruções do treinador ao longo da partida – quase todas sensatas, de quem realmente está enxergando o que está acontecendo, sem se limitar a gritos vazios como “Pega, pega!” ou “Cerca, cerca!”.

Sim, Maicosuel pode produzir mais. Sim, Herrera tem sérias dificuldades para jogar como centroavante – mas ambos ( um ao fazer a jogada que resultou no pênalti, o outro ao acertar a cobrança da penalidade), nessa quarta-feira, foram fundamentais para a vitória.

E, vale lembrar, ainda falta estrear o Renato e falta voltar o Loco Abreu para balançar as redes. E ainda tem Felipe Menezes e Alexandre Oliveira completando o elenco, quem sabe algum deles sendo uma agradável surpresa.

Para não dizer que tudo são flores, o Everton continua sem convencer. E Fábio Ferreira/Antonio Carlos ainda precisam se afinar mais na hora de rifar a bola dentro da área.

Até a próxima semana, contudo, vale comemorar um fato. Encontramos o caminho mais importante: vencer e convencer. Agora é continuar nessa trilha.

“Com a bola fomos uma equipe rápida e isso fez a diferença. Mas a vitória aconteceu porque tivemos espírito de equipe, ajuda posicionamento”, Caio Júnior, via Twitter, na madrugada pós-vitória.

Esse é o Botafogo que eu conheço, esse é o Botafogo que eu gosto.

Agora, interrompemos nossa programação normal para mostrar uma imagem que vale mil risadas:

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH!

Coitada da Juanita. Foi descadeirada pelo Mago no Maraca; dois anos depois, ficou de quatro no Morumbi.

Anúncios

11 Respostas para “São Paulo 0 x 2 Botafogo: Organização e velocidade

  1. Cara teve uma jogada se não me engano do Elkeson em cima da Juanita que ele chamou ela para dançar … foi massa.
    Como você disse, Lucas Zen muito bem. Se o Mattos não sair do Botafogo (dificil …) vai ser uma pena o Zen ter de sair do time. Tomara que o Renato realmente renda bem em campo como antigamente.

  2. Marcelo,
    Desde aquela penalidade perdida na decisão da TG para o esgoto da Gávea, tomei bronca do everton.
    A fisionomia e o jeito que cobrou demonstraram diversas coisas, a meu ver. Depois disso comecei a observar esse jogador. Pode ser perseguição e estar completamente enganado, mas ele é um chupa sangue. Dificilmente ganha uma dividida e no contra ataque não consegue dar seguimento na jogada. A maioria dos toques são para os lados e para trás. Uma enceradeira!

    Temos alguns torcedores, pelo menos no Engenhão, Oeste inferior, que vaiam o Caio Jr. Estarão com saudades da besta idiota, que se auto define como a lenda?

    Abs e Sds, Botafoguenses!!!

  3. tá bacana… vamos que vamos!
    concordo como gil. é um mulambinho esse éverton. está destoando.
    no mais, é o que você falou.
    maicosuel evoluindo, elkeson comendo a bola.
    vamos que vamos…

  4. O elenco está forte, o que traz boas dores de cabeça pro treinador: por exemplo, com o Zen jogando muito, quem você tiraria para colocar o Renato no meio? Marcelo Mattos também é de fundamental importância. O Renato hoje no Botafogo é banco? Sai o Everton e muda um pouco a maneira de jogar? Apesar dele ainda não ter mostrado a que veio, eu acho perigoso mudar agora. A velocidade dos três meias, um centrado e dois abertos é o que vem sendo o maior diferencial do time.
    Por último, pra quem já teve o Lúcio Flávio responsável pela armação das jogadas, ver o Elkeson com a bola nos pés é qualquer outra coisa! Esse rapaz ainda vai ser ídolo, anota aí.

  5. Foi lindo ver o Mago canetando o Juan 1,2 vezes ontém… sem contar q o Juan tava evitando toda hora o confronto com o Maico, hahaha! em relação ao Éverton, existe um belo ditado q diz: “em time q está ganhando não se mexe” no caso do Botafogo por enquanto eu só vejo uma mudança q melhoraria o time no momento, o Loco no lugar do Herrera, o Loco é centro avante de área, se encaixa melhor nesse modelo de jogo do Bota e com a volta do Bruno na lateral, o Bota ganha ainda mais em velocidade. o Renato vem pra fortificar o clube com toda sua experiência etc, mas nossa jóia Zen ta jogando muito, o Mattos (ainda com uma situação indefinida), tem o seu valor dentro do time, essa talvez será a maior dúvida, bom, isso é problema do Caio Jr. a minha parte eu vou fazer, comprar produtos oficiais e ir aos jogos… aproveitando ainda para manifestar a minha insatisfação por parte do presidente da ferj em não permitir q o Botafogo viesse jogar aqui em Brasília no dia 17 contra o corinthians!!!
    de qualquer forma contra o atlético-go no serra dourada eu certamente de Deus quiser estarei lá. S.A

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s