C.Porteño 2 x 1 Botafogo: Operação Paraguai

fogocerro

Se a gente conseguir jogar um futebol alegre, é possível ganhar o clássico contra o flamengo. A responsabilidade é muito grande, ainda mais agora que entramos de novo na zona de rebaixamento, mas é um grupo experiente que, com certeza, vai sair dessa”

Reinaldo, logo após a partida contra o Cerro Porteño.

O centroavante foi o autor do gol fora de casa, que pode fazer diferença na hora da decisão da vaga no Engenhão (vitória por 1 x 0 classifica o Botafogo) – e, diga-se de passagem, Reinaldo correu o tempo inteiro e fez uma boa partida em Assumpção.

Mas é difícil, caro Reinaldo, acreditar na promessa de “um futebol alegre” depois de tanta frustração e revolta do torcedor alvinegro com o que ocorreu no Paraguai. Não vou me estender para falar sobre a arbitragem – todos viram o que aconteceu, e o juiz argentino (com seu bandeirinha) conseguiu promover uma reviravolta no placar que foi de envergonhar Djalma Beltrami e Marcelo de Lima Henrique juntos.  Resumindo, foi assim:

Resultado operado pelo juiz: Cerro Porteño 2 x 1.

Resultado real da partida: Botafogo 1 x 0 (e olha que estou anulando o gol do Reinaldo por conta da bola que tocou na mão dele)

E o que isso vai mudar? Nada, porque o placar válido é o primeiro. No máximo, uma advertência para os larárbitros, o que não fará nenhuma diferença para o noso time.

Um colega da repartição, que torce para o Inter, ficou horrorizado e deixou escapar: “Como o Botafogo é roubado pela arbitragem!”.

Outro reproduziu comentário que ouviu na CBN: “Se o Botafogo entrar em campo para enfrentar o Botafogo, ainda assim o time vai ser roubado”.

Enfim, não há muito o que comentar. A não ser lamentar que o Estevam tenha promovido, na escalação que poupou três titulares, o maior encontro de cabeças-de-vento já reunidos sob a camisa do Botafogo: Fahel, Léo Silva, Emerson, Thiaguinho e Victor Simões jogando juntos é uma provocação ao torcedor. Se a gente sabia que pelo menos um deles faria m* ao longo dos 90 minutos, por que o técnico não sabe?

No mais, algumas pílulas:

* O corta-luz do Victor Simões no gol do Reinaldo foi a primeira vez que o lance individual funcionou desde o lance de Dodô e Lúcio Flávio, no Mané Garrincha, no segundo gol em cima do Atlético-PR, em 2007.

* Narrador do SporTV no lance da expulsão do Leo Silva: “Ih, olha lá o que aconteceu…”

* A suspensão do Léo Silva não pode ser estendida ao Brasileirão?

* A praga do Alessandro em cima do Thiaguinho continua coroada de êxito.

* Vocês preferem o Renato no lugar do Lúcio Flávio? Eu, não.

* Gabriel não rendeu o esperado.

* Jefferson, Jefferson, Jefferson – não fosse por ele, novamente, seria goleada. E ele quase pegou o pênalti…

* Pela primeira vez, eu acreditei no Emerson quando ele jurou que não fez lambança.

* André Lima jogando água para refrescar o cocoruto do Reinaldo foi uma cena comovente. Deve ter sido porque foi a primeira vez que ele viu suor no companheiro…

* Quando até o Arnaldo Cezar Coelho fica revoltado com a arbitragem tendenciosa, é hora de ficar preocupado.

* Time brasileiro sendo roubado por argentino no Paraguai: o presidente Assumpção mostrou que é fraco até em Assunção.

* Vamos ganhar do flamengo.

Anúncios

5 Respostas para “C.Porteño 2 x 1 Botafogo: Operação Paraguai

  1. Ao menos o jogo de ontem serviu pra mostrar que o time do Cerro Porteño é horroroso, se bobear ainda pior do que o nosso. Então, por incrível que pareça, se jogar direitinho no Engenhão e com os titulares, dá pra classificar. Se o juíz deixar, é claro.

  2. Isso mesmo, Marcelo! Os sempre críticos (pois crítico eu tb sou, apesar de não persegui-lo sempre, até quando é injusto) do LF que nos perdoe, mas com esse elenco, ele tem cadeira cativa no time titular! E mesmo com o futebolzinho sumido e instável que costuma apresentar…
    Abs e SA!!!

  3. placar real: botafogo 2 x 0 cerro.
    aquele gol do victor simões foi legal.
    ele estava legal, ao contrário de outros quatro ou cinco jogadores.
    não acha, marcelo?

    outra coisa: nem renato, nem yellow. vão os dois pra pqp!!!

  4. Raphael,
    concordo com sua avaliação – e o gol do Reinaldo foi fundamental. Mas se mandarem outro árbitro mal-intencionado, a coisa vai ficar difícil…

    Rodrigo,
    eu também não sou defensor ardoroso do LF. Mas quando vejo o Renato em campo, eu começo a sentir a falta dele… Renato é tudo o que o Botafogo não precisa! O que ele fez ontem???

    Fábio,
    muito bem lembrado – teve o gol legal do victor simões: o placar foi mesmo 2 x 0, mas o juiz JAMAIS iria permitir uma derrota do Cerro na cidade-sede da Confederação Sul-Americana, como bem lembrou o Estevam.

    e sobre o seu desejo para Renato e Yellow Flávio: isso é o que temos no fim da temporada… é muito pouco para a história do Botafogo, não?

  5. Concordo com tudo, cara! A água do André Lima foi o ponto alto do jogo.

    Só acho que dessa vez não fomos “roubados” e, sim, prejudicados por um juiz caseiro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s