Um golpe de sorte. Apenas um

Segundo tempo de partida no último domingo, Botafogo 2 x 1 no placar. Aí a bola sobra para o Alessandro na entrada da área, que mata no peito e chuta. A bola  bate no montinho (quase) artilheiro, engana Bruno e, caprichosamente…

ganha impulso e passa por cima do travessão.

Quantos de vocês pensaram o mesmo que eu?

“Se fosse do nosso lado, essa bola tinha entrado e ainda iriam fazer reportagens com todos os frangos tomados pelos nossos goleiros nos últimos dez anos”.

3 x 1 no placar, seria fatura virtualmente liquidada e entraríamos na segunda partida com larga vantagem.

Mas não aconteceu. E nunca acontece.

Nos últimos dias, em conversas com amigos alvinegros, fiz questão de repetir a pergunta:

– Qual foi o jogo decisivo que o Botafogo ganhou ou conseguiu um empate graças a um lance do acaso? Uma jogada fortuita, um lance de sorte ou de infelicidade atroz de um jogador adversário?

Ninguém conseguiu lembrar.

Alguns citaram o frangaço do Bruno na falta cobrada pelo Lúcio Flávio na decisão de 2008… mas depois os urubus se recuperaram e viraram a partida. Ou seja: a falha não interferiu no resultado final.

Eu lembrei de uma, desse ano, na final da Taça Guanabara, quando goleiro e zagueiro do Resende bateram cabeça e a bola sobrou para o Maicosuel. Mas o placar já era 2 x 0 a nosso favor e, bem, era contra o Resende, né?

Mas ao contrário, meus amigos, não faltam (más) recordações nos últimos anos.

Perder a Taça Rio com gol contra, ceder o empate no último minuto em clássicos por conta de falhas individuais grotescas de goleiros ou zagueiros, gols incrivelmente perdidos que serviriam para matar o jogo (Joílson na final de 2007, Jorge Henrique em Buenos Aires), dois dos principais jogadores do time se contundirem na MESMA jogada, cobranças de penalidades que se tornam ainda mais dramáticas do que o habitual (lembrem-se: tivemos um goleiro, Max, que conseguiu tomar um frango de pênalti, naquele jogo contra o náutico nos aflitos! ). Sem contar claro, as grandes tragédias de 2007: Beltrami, Ana Paula, Júlio César, Max, todas em jogos de matar ou morrer – e as vítimas fomos nós. 

Por todos esses fatos descritos acima, tento não me agarrar a fatores metafísicos e me concentrar na lei das probabilidades matemáticas.

 Se, no próximo domingo, houver novamente um lance decisivo que tenha a contribuição do acaso, que seja a nosso favor.

Então, se não puder ser na base do talento nem da raça, que a vitória venha em um golpe de sorte.

Apenas um definitivo golpe de sorte a favor do Botafogo.

Anúncios

7 Respostas para “Um golpe de sorte. Apenas um

  1. Meu caro,

    até concordo com você, mas nessas horas, temos que pensar alto…com a cabeça erguida.
    Pensar que o Botafogo é conhecido como Glorioso…pensar que já fomos campeões mundiais pelo Brasil pelo menos 2 vezes….pensar que somos os únicos Tetra-Campeões Carioca…lembrar de garrincha, Didi, Nilton Santos (acho que devemos dedicar esse título a ele, pois não anda muito bem de saúde), Tulio Maravilha, enfim…temos que pensar alto e ao invés dos fatos ruins…pq não os bons: TUDO PARA O BOTA VEM COM SOFRIMENTO!!!
    lembre que em 2006, o Lucio Flavio se machucou na primeira partida da decisão do Carioca. Tudo bem que foi contra o Madura, mas a história meio que se repete.

    VAMOS P FRENTE FOGÃO!!

    “SER BOTAFOGO É ORGULHO…SER BOTAFOGO É PAIXÃO…ETERNAMENTE ALVINEGRO…SERÁS O MEU CORAÇÃO…BRILHA A SUA ESTRELA…CANTO COM MUITA EMOÇÃO…O PRETO E BRANCO É MINHA VIDA…TE AMO OH MEU FOGÃO!!”

    BOTA 3X1 MULAMBADA!

  2. é verdade…
    a sorte nunca anda conosco nesse sentido.
    cara, quando o inútil da camisa 2 chutou aquela bola, fiquei louco achando que ela bateria no chão e entraria, matando o bruno.
    eu redimiria toda a raiva que esse cidadão já me passou.
    mas não… como você falou, a sorte tem estado longe de nós em momentos decisivos…
    mas eu não desisto… quem sabe no domingo?

    abraço!

  3. VOCÊS VIRAM A CARA DE CHORÃO DO KLEBER LEITE ONTEM NO SPORTV FALANDO SOBRE A POSSÍVEL SUSPENSÃO DE JUAN ??? FOI LINDO !!!

    Sei que não tem nada a ver com o post mas eu tinha que comentar sobre isso. Será que a justiça vai ser feita pelo menos desta vez contra aquela mulambada?

    Agora, vai ser sensacional se aquele Anão, boneco de tótó (aqui no Rio é tótó que se fala), a chiliquenta, for suspenso preventivamente e não puder disputar a final e somando a isso o Thiaguinho for absolvido !!! Vai ser demais !!!

    Hoje a tarde teremos a resposta !!!

    O presidente do tribunal é alvinegro! Tenho esperanças!

    Fogão 3 x 1 na Final !!!

  4. Caro Marcelo,

    Permita-me invadir seu espaço para falar de um fato que me chamou atenção na transmissão de Flamengo e Fortaleza, na noite de ontem. Numa fase do jogo, o narrador e seus companheiros, começaram a falar de Mirandinha, treinador da equipe cearense. Que chegara a seleção, que fizera um gol em Winbledon. Até aí, tudo bem, mas em momento algum foi dito que a sua convocação deveu-se ao fato do mesmo jogar e viver a sua melhor fase no BOTAFOGO. Daí, se conclui que o nome do nosso clube, no momento é palavra proibida na “poderosa”. A que ponto chega a inveja do nosso FOGÃO.

    Abs e SB.

  5. Marcelo,

    Nada mais pode nos acontecer. Tudo que podia já aconteceu.
    Quanto mais eles ficam arrogantes é aí que nós derrotamos esses molambos.
    É histórico!

    Abs e Sds, BOTAFOGUENSES!!!

  6. Tem um cara que joga a pelada do trabalho que, sempre que dá uma canelada de frente para o gol, grita: “Putz, mas que azar que eu dou!”

  7. Caros, essa história de “azar” do Botafogo é invenção da fla-press para justificar as nossas derrotas. Claro que não se pode ganhar todas, mas só ganhamos algumas porque temos sorte, haja vista a “mutretazinha” (como bem disse o Lúcio Mauro) que impera no futebol do Rio.
    Se tivéssemos azar, a bola do Juninho não passaria no único buraco que tinha na barreira, exatamente onde o Ibson pulou.
    Se fossemos azarados o campeonato teria acabado no Domingo, tremenda a quantidade de faltas inventadas perto de nossa área.
    Se fossemos azarados não teríamos feito a final da TG com o Resende…
    SAN
    Andre-SP

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s